Algarve quer mais empresas na internet

Abrir Formulário Newsletter
Newsletter
image
header image wave effect

Algarve quer mais empresas na internet

 

 

Para impulsionar a entrada no digital de mais negócios e produtos algarvios, a ACRAL – Associação do Comércio e Serviços do Algarve dinamizou, esta terça-feira, em Faro, uma sessão de informação no âmbito do programa Comércio Digital, iniciativa da ACEPI que pretende apoiar a digitalização de micro, pequenas e médias empresas portuguesas.

 

O evento decorreu nas instalações da CCDR – Algarve e contou com a presença de comerciantes, empresários e empreendedores locais, com o objetivo de antecipar questões ligadas ao uso emergente da internet no contexto da economia da região.

 

Na abertura da sessão, Paulo Alentejano, Presidente Executivo da ACRAL e Francisco Serra, Presidente da CCDR – Algarve, assinalaram ambos o impacto crescente do online no setor do comércio e serviços, e principalmente em atividades ligadas ao turismo.

O responsável da ACRAL destacou que o digital permite que empresas e negócios ganhem mais visibilidade, cheguem a mais clientes e conquistem novos mercados, enquanto Francisco Serra lembrou que “é preciso vencer as barreiras do desconhecimento técnico para continuar a ultrapassar fronteiras geográficas”.

 

Para reforçar estas ideias, foram também apresentados à plateia dados referentes à evolução da economia digital no mundo e em Portugal. António Teixeira, coordenador do programa da ACEPI, sustentou que a tendência dos últimos anos aponta não só para o incremento do comércio eletrónico, mas sobretudo para o crescimento da utilização da internet em pesquisas que ajudam a determinar a escolha do consumidor.

 

 “A presença digital é indispensável e não necessariamente numa lógica de transação pura ou exclusão do físico”, defendeu, explicando que “a internet é cada vez mais utilizada nas chamadas pesquisas “perto de mim”, para saber mais sobre um produto, comparar preços, confirmar a existência de stock em loja ou ainda averiguar a opinião de outros usuários”.

 

Neste sentido, o mundo online oferece novas oportunidades de visibilidade, promoção e expansão, que é preciso compreender e aprender a utilizar.  

Para isso, Eduardo Sampaio, formador do Comércio Digital e especialista em e-commerce, apresentou aos participantes noções, ferramentas e estratégias elementares de marketing digital, abordando algumas vantagens de ter um website e email profissional, criar um perfil nas redes sociais ou estar presente em agregadores de negócios ou marketplaces.  

 

Paralelamente, o programa Comércio Digital disponibiliza aindam uma Academia Digital, com conteúdos formativos de acesso livre, e um Voucher que oferece, durante um ano, o registo gratuito de um domínio .pt, caixas de email e ferramentas para alojamento e construção de um website.

 

Até 2020, o Comércio Digital aposta na capacitação para o online e continua também a realizar ações de sensibilização por todo o país. 

Évora, Ponte de Sor, Ovar e Leiria completam a agenda de sessões do Roadshow de novembro.

 

Consulte a agenda atualizada do Roadshow e inscreva-se em: comerciodigital.pt/pt/roadshow/

 

12.11.2019

Newsletter

Subscreva a nossa Newsletter e esteja sempre a par das nossas novidades e eventos.

uma iniciativa:

Uma_Iniciativa.png

com o apoio da:

Com_Apoio.png

em parceria com:

Em_Parceria.png

cofinanciado por:

Confinanciado.png

patrocinadores master:

patrocinadores_master2.png

patrocinadores principais:

Patrocinadores_Principais.png

patrocinador:

Patrocinador.png